quarta-feira, 24 de agosto de 2016

Pai




Pai
Três letras apenas
mas que eu nunca me lembro de ter dito
Pai
Quanta falta me fez
o teu amor e o teu carinho
uma reprimenda
para mudar meu rumo
uma voz mais grossa para me por na linha
Pai
Tem gente que consegue ter saudade
eu nem essa possibilidade
tenho
Pai
Não me lembro
do teu sorriso
pois quis o destino
que me deixasses
era eu bem pequenino
Tinha dois anos apenas
Pai
Quero que saibas
que esse mesmo
destino
fez de mim o homem que sou
que já procriou
e que ainda hoje luta
para que me vejas
e sintas orgulho
por cada batalha
vencida
por cada vez que perco
e me ergo
Pai
Quantas vezes eu quis dizer
que te amava
quanta falta
me fez a tua ausência
mas é assim a vida
muita vezes madrasta
Pai
Estejas onde estiveres
quero que saibas
que mesmo não podendo ter saudades
que mesmo não tendo sentido a força dos teus braços
sei que exististes
que ainda me segurastes
e isso me deixa alegre
e ainda com mais vontade
de sempre respeitar o Teu nome
PAI
Enviar um comentário